Lolly Baby

Empresa
Blog
Produtos
Onde comprar
Trabalhe Conosco
Contato
Home > Blog > Bebês prematuros

Bebês prematuros



Bebês prematuros

É emocionante finalmente levar o bebê para casa, depois de tanta espera. Mas um bebê que tenha passado algum tempo na unidade de tratamento intensivo pode parecer bem frágil, e é normal que os pais fiquem preocupados e temerosos. Sempre que tiver dúvidas, vale a pena procurar a equipe da maternidade ou o pediatra para receber mais orientações.

 

Amamentação de prematuros - A amamentação é a melhor fonte de nutrientes para o bebê. Dê o peito sempre que seu filho quiser (um processo conhecido como livre demanda), e acorde-o para mamar se ele estiver dormindo há mais de quatro horas, durante a noite. O neném vai precisar das mamadas noturnas para recuperar o tempo perdido.

 

É normal que a criança passe algum tempo no peito só olhando para você, ou "treinando" o movimento de sucção. Com isso, ela estimula a produção de leite, e vocês vão poder aproveitar a tranquilidade de estar em casa, e não no ambiente do hospital.

A recomendação oficial do Ministério da Saúde e da Organização Mundial da Saúde (OMS) é que todos os bebês sejam amamentados exclusivamente no peito até os 6 meses, e que depois disso o leite materno seja mantido na alimentação até os 2 anos ou mais.

Para prematuros, isso é ainda mais importante, portanto vale a pena um esforço extra para manter o aleitamento pelo máximo de tempo possível. O pediatra poderá orientá-la caso você precise voltar a trabalhar.

 

Como lidar com as visitas - Faça o máximo para não expor o bebês a infecções. Peça aos amigos e parentes que não façam visitas ao bebê se estiverem resfriados, com tosse ou com qualquer tipo de infecção.

Se mesmo assim eles vierem, evite que peguem o bebê no colo. Esse cuidado é especialmente importante se a criança não estiver sendo amamentada, já que o leite materno ajuda a proteger o bebê de infecções.

 

Fumo - A presença de fumaça de cigarro em casa eleva o risco de morte súbita infantil. Bebês de baixo peso ao nascer correm mais risco. Além disso, a fumaça do cigarro aumenta o risco de o bebê ter asma e infecções. Não deixe ninguém fumar na sua casa e nem perto do bebê.

 

Trazer um recém-nascido para casa já não é fácil, com todas as adaptações ao seu novo papel de mãe e à nova dinâmica doméstica. No caso de um prematuro, a dificuldade aumenta, por isso talvez você precise de mais ajuda. Bebês prematuros levam mais tempo para diferenciar o dia da noite, principalmente se ficaram internados na unidade de terapia intensiva, e precisam mamar com mais frequência. Isso significa que você vai ter de administrar mamadas a toda hora e padrões imprevisíveis de sono, e conciliar tudo isso com as outras tarefas da casa e possivelmente outros filhos (além da sua necessidade biológica de sono!). Tente tirar uma soneca sempre que possível.

Com a vida corrida de hoje em dia, as famílias já não contam com tanto apoio de parentes como antigamente. Se você não tiver parentes que morem perto, aceite a ajuda de amigos. Mães de crianças pequenas serão especialmente compreensivas nessa fase.

 

Adote precauções extras na hora de contratar uma babá ou de deixar seu prematuro com alguém, pelo menos enquanto ele for bem pequeno. Sempre que for sair, deixe um número de telefone onde possa ser encontrada e o telefone do médico.

 



PUBLICADO EM: 05/12/2017

Avenida Dr. Sebastião Armelin, 690
Bairro Corte Preto - Capivari - SP
CEP 13360-000
Telefone: (19) 3492-8270 sac@lollybaby.com.br
Área restrita
Login


© 2016 Lolly. Todos os direitos reservados.