Lolly Baby

Empresa
Blog
Produtos
Onde comprar
Trabalhe Conosco
Contato
Home > Blog > Primeiras vacinas do bebê

Primeiras vacinas do bebê



Primeiras vacinas do bebê

Logo após a alta da maternidade você será orientada a procurar um posto de saúde para aplicar as duas primeiras vacinas no seu bebê: Hepatite B e BCG.

 

Hepatite B

Esquema de doses:

Ministério da saúde: Ao nascimento, 2, 4 e 6 meses de vida.

A Sociedade de Pediatria e a Sociedade de Imunizações recomendam o esquema de 3 ou 4 doses, exceto para prematuros que devem receber, obrigatoriamente, o total de 4 doses.

Na prática: Seu filho receberá ao nascer e aos 2, 4 e 6 meses a vacina de hepatite B incorporada à pentavalente do posto. Caso você opte por vaciná-lo com a hexavalente, esta já possui hepatite B em sua composição. Caso seu filho seja vacinado com a pentavalente acelular do serviço privado é importante que receba a dose de hepatite B separada aos 2 e 6 meses de vida. Se for prematuro deve receber aos 2, 4 e 6 meses de vida, já que a pentavalente acelular não possui a hepatite B em sua composição, apenas a Poliomielite(VIP).

 

BCG : a vacina da marquinha no braço.

Protege contra tuberculose, principalmente suas formas graves, como meningite tuberculosa e tuberculose miliar (espalhada pelo corpo).

Esquema de doses: Dose única.

Após a aplicação é importante não colocar produtos, medicamentos ou curativos no local. Não espremer caso apareça pus na região da vacina.

Ocasionalmente, a vacina não deixa cicatriz.

Motivos:

 - Falha vacinal, que acontece em cerca de 5% dos vacinados;

 - Houve resposta, mas com lesão discreta sob a pele, tornando difícil a identificação.

No caso de reação inaparente ou discreta, não há necessidade de revacinar. Quando acontece a falha vacinal, uma nova dose deve ser aplicada seis meses após a primeira – nunca antes desse prazo.

Evolução: A resposta à vacina demora cerca de três meses (12 semanas), podendo se prolongar por até seis meses (24 semanas), e começa com uma mancha vermelha elevada no local da aplicação, evolui para pequena úlcera, que produz secreção até que vai cicatrizando.

No caso do surgimento de úlcera maior que 1cm, gânglios ou abscessos axilares ou sob a pele, que saiam pus ou não, um médico deve avaliar!



PUBLICADO EM: 05/03/2018

Avenida Dr. Sebastião Armelin, 690
Bairro Corte Preto - Capivari - SP
CEP 13360-000
Telefone: (19) 3492-8270 sac@lollybaby.com.br
Área restrita
Login


© 2016 Lolly. Todos os direitos reservados.