Lolly Baby

Empresa
Blog
Produtos
Onde comprar
Trabalhe Conosco
Contato
Home > Blog > Ajude seu filho a crescer confiante

Ajude seu filho a crescer confiante



Ajude seu filho a crescer confiante

Por que uma criança precisa ser confiante?

 

Fica mais fácil para uma criança realizar qualquer tarefa quando ela se sente confiante. E ter confiança é resultado direto da percepção de que as pessoas ao redor têm confiança nela.

Os filhos precisam notar que os adultos mais próximos aprovam seus comportamentos e vibram com suas conquistas.

Quanto mais você elogiar esforços (em momentos de tentativas verdadeiras, não sem motivo), mais competente seu filho vai se sentir. O oposto também é verdadeiro: crianças cujos pais nada esperam delas tendem a não ter estímulo para se superar.

 

É possível meu filho parecer confiante sem ser de verdade?

Adultos e crianças mais velhas podem até conseguir fingir confiança quando não têm, mas crianças pequenas não possuem tal capacidade. O que você enxerga é o que elas são de fato.

O que ocorre é que crianças têm capacidade de se adaptar a fracassos e críticas com relativa facilidade, a menos que ocorram o tempo todo ou que seus momentos de sucesso sempre passem despercebidos.

 

Como ajudar uma criança a acreditar em suas próprias habilidades?

O primeiro passo é você acreditar.

Ao demonstrar que acredita no seu filho, você mais do que influencia na maneira como ele se porta. Existem até pesquisas que apontam que escolas que têm expectativas altas em relação a seus estudantes conseguem um melhor desempenho dos alunos.

Se com as escolas é assim, imagine só então o impacto que pai e mãe exercem nas crianças.

Na medida do possível, procure olhar as ações do seu filho pelo lado positivo. "Difícil puxar a calça toda para cima, né? Mas olha só como você conseguiu passar a camiseta pelo pescoço e pelos braços!". O mais importante de tudo é elogiar o esforço, independentemente do resultado final - e desde que tenha havido esforço.

Espere bom comportamento e dê você o exemplo de boas maneiras, com frases do tipo "Obrigada por ajudar a mamãe a separar as roupas".

É comum ter que falar muitos nãos e dar muitas broncas em crianças pequenas, que estão na fase de testar os pais o tempo todo, mexendo no que não devem ou simplesmente desobedecendo. Mas procure equilibrar as queixas com comentários estimulantes e amorosos.

 

Existem táticas para criar um filho com boa autoestima?

O que fazer:

Tente ignorar birras e desaforos. Não grite e não faça birra de volta. Saia de perto ou mantenha a expressão o mais neutra possível, pegando seu filho no colo e colocando-o em outro cômodo. Quando ele voltar para perto de você, diga que está contente que ele decidiu se comportar melhor.

Critique os comportamentos do seu filho, mas evite rotulá-lo (por exemplo, em vez de chamá-lo de "feio" ou de "menino malcriado", diga "que coisa feia você fez").

Esteja alerta ao bom comportamento. Um sorriso ou um comentário do tipo "estou orgulhosa de você deixar o amigo brincar com sua pazinha também" não vão passar despercebidos por seu filho.

 

O que não fazer:

Ofender ou usar palavras que façam seu filho se sentir humilhado.

Permitir que outras pessoas tratem mal, humilhem ou ofendam seu filho.

Esquecer-se de falar com frequência o quanto o ama ou achar que esse tipo de demonstração de carinho não é necessária.

 

 

Trocar ideias com quem já passou ou está passando pela mesma coisa pode ser uma boa fonte de inspiração.



PUBLICADO EM: 31/05/2016

Avenida Dr. Sebastião Armelin, 690
Bairro Corte Preto - Capivari - SP
CEP 13360-000
Telefone: (19) 3492-8270 sac@lollybaby.com.br
Área restrita
Login


© 2016 Lolly. Todos os direitos reservados.